São Paulo, 14 de fevereiro de 2001 n.682/01.


 
Programação estimula exercício da cidadania
A partir do próximo dia 19, data do início das aulas, o Diretório Central dos Estudantes (DCE), em parceria com os CAs e com a Pró-Reitoria de Graduação, promove atividades voltadas para o exercício da cidadania e contrárias ao trote violento.

 

Programa da Rádio USP resgata a história do carnaval brasileiro

Pesquisadores estudam dinâmica alimentar do Oceano a bordo do navio Prof. W. Besnard

HC oferece acompanhamento médico a crianças obesas


Destaques

Programação cultural especial destaca importância do exercício da cidadania

        Durante a primeira semana de aulas, que começa na próxima segunda-feira (19), os Centros Acadêmicos (CAs) e o Diretório Central dos Estudantes (DCE) da USP estarão promovendo uma programação especial, contrária ao trote violento praticado por alguns veteranos contra os calouros ou "bixos" como são chamados os novos alunos. "Nossa meta é mostrar para o calouro que ele pode ser um agente participativo, contribuindo para a transformação da realidade", afirma Fábio Maleronka Ferrom, integrante do DCE.
        As atividades criadas pelo DCE se concentrarão no dia 22 de fevereiro. Às 9 horas, terá início a mesa redonda de abertura, com o tema Movimentos Sociais e Universidade. Estarão presentes João Pedro Stedili (MST), Dito (Central de Movimentos Populares), um representante do Fórum de Educação (a confirmar) e os professores da USP, Paul Singer, Fábio Konder Comparato e Milton Santos. "A idéia é estimular os principiantes a atuar em conjunto nas tentativas de solução para os problemas sociais, através da discussão de suas causas ou origens", explica Ferrom.
        Além dos debates, haverá apresentações de grupos musicais e de teatro, como o Moleque de Rua, formado em 1983 pelo músico Duda, com menores em situação de rua da Vila Santa Catarina de São Paulo, e a Cia. da Lata, que se dedica à montagem de musicais explorando temas relacionados à desigualdade social, entre outros. "As atividades ficarão concentradas basicamente na Praça do Relógio, com a montagem de uma série de palcos e de um quilombo, dedicado especialmente à discussão sobre a escravidão e a situação atual do negro na sociedade brasileira", afirma Rodrigo. No encerramento da programação, um show com o cantor Lobão, que se apresentará, como todos os convidados, gratuitamente, contribuindo com a campanha pelo trote cívico, em favor da cidadania. "Esperamos que, além desse momento, continuemos nosso trabalho durante o ano todo, por meio da organização de novas atividades para os outros campi, como palestras e apresentações de grupos musicais e de danças", diz Rodrigo de Toledo, aluno da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo (FAU) e membro do DCE.
        No último dia 12, data do início das matrículas dos novos alunos, a USP lançou uma campanha de conscientização, contrária ao trote violento e a favor da paz e da solidariedade, cujo slogan é Trote: com violência não se brinca. Criada por alunos do terceiro ano do curso de Publicidade e Propaganda da Escola de Comunicações e Artes (ECA), a proposta foi escolhida pela Pró-Reitoria de Graduação em meados de dezembro do ano passado. "Nosso objetivo foi criar uma campanha leve, agradável e que mostre, de uma forma muito sutil, que determinadas ações, chamadas por alguns de brincadeiras, agridem a dignidade e a integridade física e moral das pessoas", afirma Dannylo Antunes, um dos criadores da campanha.
        Os estudantes escolheram bichos de pelúcia machucados, com curativos plásticos (band aid) e esparadrapos, como símbolos da campanha. São três outdoors, dois frontlights, quatro cartazes e cinco cartões postais, num total de 14 peças diferentes, com tiragem de mais 60 mil unidades. Os interessados em obter as imagens da campanha podem acessar o site www2.usp.br/temp/trote/trote.htm
        Além disso, a Pró-Reitoria de Graduação colocou, desde o ano passado, a disposição dos calouros e de suas famílias, o Serviço de Denúncias contra Trotes Abusivos na USP, mais conhecido como Disque Trote, cujo número é 0800-121090.
        Mais informações: ( DCE, (0XX11) 3091-3269/70, com Fábio ou Rodrigo. Campanha do Trote, (0XX11) 9153-5668, 9626-7370, com Maíra ou Camila.

Rádio USP resgata história do carnaval brasileiro

        Entre os dias 23 e 27 de fevereiro, a Rádio USP FM (93,7 MHz) vai apresentar a série Cem Carnavais. Produzida por Omar Jubran, trata-se de um conjunto de cinco programas que tem como tema a história da mais popular das festas brasileiras. "A proposta é resgatar os clássicos do gênero, hoje pouco executados nos bailes e emissoras de rádio e quase desconhecidos da maioria da população", explica Marcelo Bittencourt, coordenador de programação da Rádio. A partir daí, o ouvinte poderá entrar em contato com preciosidades da nossa produção musical, tais como: Quem são eles?, de Donga, Já te digo (Pixinguinha), GêGê ou Seu Getúlio, de Lamartine Babo, e Trem Blindado (João de Barro), entre outras. No final da série, o destaque fica por conta da música baiana, com seus trios elétricos, e para os sambas de enredo das escolas de samba.
        Omar Jubran, biólogo e produtor musical, ganhou o prêmio APCA 2000 na categoria Música Popular/Projetos. Na mesma edição, a Rádio USP foi escolhida como a melhor de São Paulo na categoria Programação Musical.
        Mais informações: ( (0XX11) 3091-3960.

Pesquisadores do navio Prof. W. Besnard estudam dinâmica alimentar no oceano

        A partir de hoje (12), até o próximo dia 21, uma equipe de 14 pesquisadores composta de professores, técnicos e alunos de pós-graduação, do Instituto Oceanográfico (IO) da USP, estará a bordo do Navio Oceanográfico Professor W. Besnard para medir a quantidade de matéria orgânica assimilada em cada estágio da cadeia alimentar do ecossistema de ressurgência.
        As pesquisas fazem parte do subprojeto Trofodinâmica da comunidade do ecossistema de plataforma continental no Sudeste do Brasil, coordenado pela professora Ana Maria Setubal Pires Vanin, que integra o Projeto Deproas (Dinâmica do Ecossistema de Plataformas da Região Oeste do Atlântico Sul), um empreendimento de pesquisas que tem como principal objetivo estudar as formas de penetração da Água Central do Atlântico Sul (ACAS) na Plataforma Continental, ou o chamado fenômeno de ressurgência, bem como a importância desse fenômeno para o ecossistema da região. As pesquisas do Projeto Deproas deverão abranger as regiões do Cabo de São Tomé e Bacia de Campos, no Rio de Janeiro, até a Ilha de São Sebastião, no litoral de São Paulo, cobrindo toda a plataforma continental e estendendo-se até profundidades de dois mil metros.
        Segundo a professora, será implementado e testado a bordo um método de fixação de matéria orgânica nos organismos dos vários níveis tróficos estágios sucessivos de alimentos representados pela cadeia alimentar por meio dos isótopos estáveis de C-13 e N-15. "Esse método permite relacionar quali e quantitativamente a produção primária (organismos vegetais planctônicos) e a secundária (organismos animais), indicando qual a fonte preponderante de energia no sistema de ressurgência", explica Ana Maria.
        Contatos com a professora Ana Maria podem ser feitos pelo e-mail: amspires@usp.br .


Cursos, Seminários e Palestras
Informações sobre Saúde Pública
        A Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo (USP) oferece um curso destinado especialmente aos comunicadores em rádio. Podem se inscrever comunicadores populares, jornalistas e estudantes de jornalismo. O curso tem apoio do Ministério da Saúde. As inscrições terminam no próximo dia 17 e o curso é inteiramente gratuito.
        Mais informações: ( (0XX11) 214-3766 ou e-mail: obore@obore.com

Vacinas e Soros
        O Instituto Butantan promove, entre os dias 19 e 23 de fevereiro, o Simpósio Vacinas e Soros Avanços e Perspectivas. O objetivo é demonstrar os avanços tecnológicos e possibilidades futuras de preparação de imunobiológicos de última geração no Brasil. A inscrição é gratuita e pode ser feita pelo e-mail: instbut@uol.com.br. O Instituto fica na Av. Vital Brasil, 1500.
        Mais informações: ( (0XX11) 3726-8381/9257.


Livros, Revistas e Publicações
Comunicação & Educação
        O vigésimo número da revista Comunicação & Educação já está disponível. Nesse volume, os principais temas discutidos são: Trabalho e Educação a distância, Comunicação na União Européia e As mediações e a perspectiva do receptor. Há uma entrevista com Nilton José Machado, professor da Faculdade de Educação, que responde a uma série de questões sobre Educação: os valores e as pessoas. E um artigo discute o investimento da Igreja Católica na conquista de novos fiéis e na disputa com outras igrejas.
        Mais informações: ( (0XX11) 3039-5643 ou e-mail assinatura@editorasegmento.com.br

Modernismo
        A Edusp lança o livro 22 x 22: A Semana de Arte Moderna vista por seus contemporâneos, de Maria Eugenia Boaventura, professora de Teoria Literária da Unicamp. O livro reúne artigos divulgados em jornais e revistas de São Paulo e do Rio de Janeiro em 1922, retratando o debate do movimento modernista sob uma nova ótica.
        Mais informações: ( (0XX11) 3091-4149.

Brasil 500 Anos
        O livro Os Discursos do Descobrimento: 500 anos e mais anos de discursos, organizado por Diana Luz Pessoa de Barros, professora de Lingüística da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciência Humanas (FFLCH) da USP, é mais um novo lançamento da Edusp. A obra contém ensaios de reconhecidos estudiosos brasileiros, que analisam os discursos de construção do imaginário nacional, incluindo relatos de cronistas e viajantes, a Carta de Pero Vaz de Caminha, o Diário de Cristovão Colombo, a literatura indianista, as Constituições, as primeiras gramáticas brasileiras e os livros didáticos de História.
        Mais informações: ( (0XX11) 3091-4149.


Quadro de Avisos
Crianças obesas
        A Clínica de Endocrinologia do HC convoca crianças obesas, com idades entre 7 e 14 anos, para participar, durante seis meses, de um programa de acompanhamento médico. O objetivo é reduzir o peso por meio de exercícios físicos e orientação nutricional sem o uso de medicamentos. Os interessados devem comparecer às quintas-feiras, das 11h30 às 13h30, no Ambulatório de Endocrinologia, para uma seleção prévia. O Ambulatório fica na Av. Dr. Enéas Carvalho Aguiar, 188, bloco 4B, 5º andar.
        Mais informações: ( (0XX11) 3066-7467, com Dra. Sandra Mara Villares.


Teses e Dissertações
Escola de Enfermagem
Mestrado
        A pressão arterial em funcionários do Hospital Universitário Regional do Norte do Paraná: associação com variáveis biopsicossociais, hábitos de vida e conhecimento sobre hipertensão. Benedita Ribeiro Cordeiro. Dia 20, às 9h.
        Mais informações: ( (0XX11) 3066-7533.

Escola Politécnica
Mestrado
        Algoritmos de otimização de sistemas eletrônicos. José Artur Quilici Gonzalez. Dia 19, às 14h.
        Modelagem de bacias urbanas com redes neurais artificiais. Cláudia Cristina dos Santos. Dia 19, às 14 h.
        Mais informações: ( (0XX11) 3091-5443.

Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto
Doutorado
        Padrões de diferenciação em uma zona de contato entre duas espécies de Drosophila. Alessandra Marfisa Cansian. Dia 19.
        Mais informações: ( (0XX16) 602-3103.
 
Agência USP de Notícias - Divisão de Informação, Documentação e Serviços Online
Av. Prof. Luciano Gualberto, Travessa J, nº 374, conj. 244, São Paulo - SP. 
Tel.(0xx11) 3091-4411/3091-4691 - Fax: (0xx11) 3091-4476/3091-4689 
Home Page: http://www.usp.br/agen/agweb.html E-mail: agenusp@edu.usp.br
Diretora da Divisão: Marcia Furtado Avanza (Mtb 11.552) mfrsouza@usp.br
Diretor da Agência: Antonio Carlos Quinto (Mtb 15.949) acquinto@usp.br
Repórteres: André Chaves de Melo andrecms@usp.br e Valéria Dias valdias@usp.br
Estagiários: Bruna Fontes, Cauê Muraro, Giovana Tiziani e Júlio Bernardes