ISSN 2359-5191

22/12/2004 - Ano: 37 - Edição Nº: 24 - Sociedade - Escola de Comunicações e Artes
Teoria da comunicação ganha nova base de estudo
Ciro Marcondes Filho lança livro que propõe uma provocadora forma de pensar a comunicação.

São Paulo (AUN - USP) - Partindo de um estudo provocador, que sustenta a tese da impossibilidade da comunicação, a obra ??O Escavador de Silêncios?, lançada recentemente, apresenta uma nova forma de pensar a comunicação e sustenta-se como marco introdutório na pesquisa da teoria da comunicação. O livro, escrito após de quatro anos de pesquisa, é resultado de debates que buscaram, com o estudo de autores pós-estruturalistas, produzir um texto próprio e original sobre a comunicação.

A obra, que se propõe como ponto de partida para a elaboração de uma nova teoria da comunicação, é resultado de pesquisas realizadas em dois cursos de pós-graduação. ??Foram estudados, principalmente, os autores Gilles Deleuze, Jacques Derrida e Niklas Luhmann, o qual é desconhecido no Brasil?, afirma o professor Ciro Marcondes Filho, da Escola de Comunicações e Artes (ECA/USP), autor da obra. ??Os textos têm uma teoria própria, bastante provocativa, que exerce um forte resultado sobre os alunos, pois parte do princípio de que comunicar é impossível?, complementa.

Marcondes Filho conta que a discussão em torno do autor Niklas Luhmann é pioneira no Brasil. ??Pela primeira vez é apresentada a obra desse autor, que trabalha dentro do conceito de que nós somos sistemas fechados e, em princípio, não temos contato com o mundo externo que, no máximo, nos provoca irritações?, afirma. A teoria, bastante incomum, sustenta que muito raramente nos comunicamos.

??O Escavador de Silêncios? é o segundo volume de uma série de três livros que servirão de base para o estudo da teoria da comunicação no Brasil e trata, principalmente, da questão do sentido, da interpretação e da teoria dos sistemas. O primeiro volume, ??O Espelho e a Máscara? está esgotado e, segundo Marcondes Filho, não será reeditado. ??Aquela obra será reescrita, pois está desatualizada. Trata-se de um volume introdutório, que apresenta escolas, autores e temas tratados pela teoria da comunicação?, diz.

Já o terceiro volume discorrerá a respeito dos novos meio de comunicação e do uso das imagens. ??Essa é uma discussão cada vez mais importante, bem como a questão do mundo virtual e os autores que o estudam e tentam diagnosticar essa realidade?, revela Marcondes Filho. ??Os três volumes comporão um novo cenário teórico para o estudo da comunicação?, finaliza o autor.

Serviço: ??O Escavador de Silêncios ?? Formas de construir e de desconstruir sentidos na comunicação ?? Nova Teoria da Comunicação II?, Ciro Marcondes Filho. Editora Paulus. R$ 50.

Leia também...
Nesta Edição
Destaques

Educação básica é alvo de livros organizados por pesquisadores uspianos

Pesquisa testa software que melhora habilidades fundamentais para o bom desempenho escolar

Pesquisa avalia influência de supermercados na compra de alimentos ultraprocessados

Edições Anteriores
Agência Universitária de Notícias

ISSN 2359-5191

Universidade de São Paulo
Vice-Reitor: Vahan Agopyan
Escola de Comunicações e Artes
Departamento de Jornalismo e Editoração
Chefe Suplente: Ciro Marcondes Filho
Professores Responsáveis
Repórteres
Alunos do curso de Jornalismo da ECA/USP
Editora de Conteúdo
Web Designer
Contato: aun@usp.br