No ‘Diversidade em Ciência’ (RÁDIO USP), Júlio Simões fala sobre as transformações das relações homossexuais e homoafetivas nas últimas décadas

[A entrevista vai ao ar na segunda-feira, dia 19 de agosto, às 13 horas sendo reapresentada na terça-feira, dia 20, às 2 horas da manhã e no sábado, dia 24, às 14 horas, na Rádio USP]

No ‘Diversidade em Ciência’, Ricardo Alexino Ferreira entrevista Júlio Assis Simões, professor-doutor do Departamento de Antropologia da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP, que irá falar sobre as transformações das relações homoafetivas nas últimas décadas.

Segundo Júlio Simões, é possível observar a trajetória da sexualidade, que vai do estigma da sodomia à cidadania da homoafetividade. “Mudanças significativas são observadas também nas terminologias e nos sujeitos sociais”, afirma.

Julio Simões é pesquisador-líder do Núcleo de Estudos dos Marcadores Sociais da Diferença, da USP (Numas). É também autor do livro “O dilema da participação popular: etnografia de um caso” (Editora Marco Zero/Anpocs). Organizou, ainda, os livros “Raça, etnicidade, gênero e sexualidade em perspectiva comparada” (Editora Terceiro Nome) e “Na trilha do arco-íris: do movimento homossexual ao LGBT” (Editora Fundação Perseu Abramo).

O ‘Diversidade em Ciência’ é um programa de divulgação científica, voltado para as ciências das diversidades e direitos humanos e vai ao ar toda segunda-feira, às 13 horas, com reapresentações às terças-feiras, às duas horas da manhã e aos sábados, às 14 horas, com direção e apresentação do jornalista, professor da USP e membro da Comissão de Direitos Humanos da USP, Ricardo Alexino Ferreira e operação de áudio de João Carlos Megale.

O ‘Diversidade em Ciência’ é gravado no estúdio do Departamento de Comunicações e Artes/Educomunicação, da Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (ECA-USP).


A Rádio USP-FM pode ser sintonizada em 93,7 MHz/SP ou pelo link: http://jornal.usp.br/radio/

Texto e foto: Ricardo Alexino Ferreira