Universidade de São Paulo - Agência USP de Cooperação Acadêmica Nacional e Internacional

Agência USP de Cooperação Acadêmica Nacional e Internacional

Universidade de São Paulo

Internacional

PEC-PG

Programa de Estudante – Convênio PEC-PG

O PEC-PG é um programa de cooperação com países da África, Ásia, América Latina e Caribe. Esse programa visa o aumento de qualificação de professores universitários, pesquisadores e profissionais.

Inscrição: O estudante estrangeiro interessado em cursar pós-graduação na USP através do PEC-PG deve entrar em contato com o Serviço de Pós-Graduação da Unidade de Ensino na qual deseja se vincular (Faculdade ou Instituto) para se informar sobre os procedimentos e documentos necessários para análise de sua aceitação no Programa de Mestrado/Doutorado da Unidade de Ensino.
Para conhecer os programas oferecidos, acesse http://www.prpg.usp.br/?page_id=7

Documentos básicos a apresentar:

A Unidade de Ensino poderá exigir documentos adicionais para análise do pedido.

Requisitos para participação no PEC-PG:

Seleção: As candidaturas enviadas pelas Embaixadas são analisadas no mérito técnico-científico, qualificação do candidato e Carta de Aceitação da Instituição brasileira, por consultores científicos da CAPES e do CNPq. Com base na avaliação dos consultores da CAPES e do CNPq, a seleção final é realizada em reunião do Grupo de Supervisão, integrado por representantes do CNPq/CAPES/MRE, que decide quem são os bolsistas aprovados e a quota de bolsas que caberá a cada uma das agências (CNPq e CAPES);

O candidato deverá preencher o formulário de inscrição e submeter-se a uma prova de Português para efetivar sua inscrição. Os responsáveis pelo PEC-PG decidirão pela concessão de bolsa de estudos da CAPES.

Após a divulgação do resultado, os aprovados terão um prazo para entrar em contato com a missão diplomática ou repartição consular brasileira mais próxima em seu país e confirmar ou declinar a aceitação da bolsa. Em caso de aceitação, será concedido ao estudante Visto Temporário IV (VITEM-IV), para realização de estudos no Brasil.

Cabe ainda às missões diplomáticas brasileiras emitir carta de apresentação em nome do candidato aprovado, que deverá ser apresentada pelo estudante à IES de destino por ocasião de sua matrícula na pós-graduação.

É de responsabilidade do estudante observar o calendário acadêmico da IES brasileira de destino, de forma a apresentar-se para matrícula e início do ano letivo.

A manutenção do visto atualizado junto às autoridades competentes é responsabilidade exclusiva do estudante-convênio, sendo condição indispensável para efetivação da matrícula e, posteriormente, para a defesa de tese.

Para mais informações, acesse o site http://www.dce.mre.gov.br/PEC/PECPG.php.