PRÓXIMO! (23 de outubro de 2018)
Diálogos no LAE: “Do Formulado ao consumido: ruídos na comunicação da alimentação de bovinos leiteiros” (23/10/18)

Realize sua inscrição no LI Diálogos no LAE, dia 23 de outubro de 2018 às 19h30min, no Anfiteatro Armando Chieffi – USP
O programa de cultura e extensão “Diálogos no LAE” receberá receberá o Médico Veterinário, Mestre em Nutrição e Produção Animal, Gustavo Ferreira de Almeida, para conversar sobre “Do Formulado ao consumido: ruídos na comunicação da alimentação de bovinos leiteiros”.

Para realizar sua inscrição clique AQUI

Adicionar este evento na sua agenda 

Publicado em Próximos Eventos

Diálogos com Fábio Sussel (08/05/18)

“Novo momento da aquicultura brasileira: produzir com eficiência é tão importante quanto uma boa gestão”

O programa de Cultura e extensão O Diálogos recebeu o Pesquisador Científico da APTA – Polo Centro Lestre – UPD Pirassununga, Zootecnista Fábio Rosa Sussel, para conversar sobre “Novo momento da aquicultura brasileira: produzir com eficiência é tão importante quanto uma boa gestão”.
Na terça-feira (08/05/18) tivemos um diálogo bem descontraído onde foram abordados diversos fatores relacionados sobre a produção atual de peixes no Brasil.
A palestra atingiu um número de público relativamente bom, sendo 47 pessoas presentes no evento, o qual foi transmitido ao vivo pelas redes sociais. Sendo que os internautas tiveram participações especiais durante todo diálogo que durou cerca de 2 horas.
No Brasil a produção de peixes está localizada em uma parte das regiões Sul, Sudeste e Nordeste. As espécies que são mais visadas para a produção de peixes são a Tilápia, o camarão marinho e o Tambaqui. São utilizadas diversas tecnologias na produção dessas espécies e a tendência é que sejam desenvolvidas novas tecnologias para produção outros tipos de peixes.
A aquicultura brasileira se encontra na era empresarial ou industrial, onde visa criar peixes tentando obter o maior lucro empresarial. Tenta-se produzir um máximo por meio de um mínimo recurso disponível.
Pode-se dizer que o sucesso para um produtor de peixes no Brasil está relacionado em 50% produzir com eficiência e 50% ter uma excelente gestão de negócios, tanto financeiro quanto pessoal.
A aquicultura deve ser tratada, em questão administrativa, igualmente a negócios urbanos, como uma grande empresa. É extremamente fundamental estar fiscalizando toda parte financeira da produção para obter-se um melhor controle e tentar maximizar o lucro para seu negócio!

“Os hectares mais importantes de uma propriedade rural são, na verdade, os quatros ou cincos metros quadrados do escritório dessa propriedade!”
(Luis C. Q. Pinto, Ex-Ministro da Agricultura)

 

 

Publicado em Eventos Realizados

Diálogos com Rodrigo Martins (03/04/2018)

“Porque os problemas ambientais são também problemas sociais?”

O programa de Cultura e extensão O Diálogos recebeu o Bacharel em Ciências Sociais da UFSCar, Professor Rodrigo Constante Martins, para conversar sobre “Porque os problemas ambientais são também problemas sociais?”.
Na terça-feira (03/04/18) tivemos um diálogo bem descontraído onde foi abordado diversos fatores relacionados ao meio ambiente.
A palestra atingiu um número de público relativamente bom, sendo 128 pessoas presentes no evento, o qual foi transmitido ao vivo pelas redes sociais. Sendo que os internautas tiveram participações especiais durante todo diálogo que durou cerca de 2 horas.
No Brasil a Política Nacional do Meio Ambiente (PNMA), define meio ambiente como “o conjunto de condições, leis, influências e interações de ordem física, química e biológica, que permite, abriga e rege a vida em todas as suas formas”. Foi citado vários aspectos sobre a natureza desde a época dos pré-socráticos (530 a.C) até os dias atuais. A natureza, na modernidade, é considerada como um objeto que deve ser dominada pela sociedade.  Esse domínio do homem pode acarretar diversos problemas ambientais para o mundo todo.
O capitalismo entra em contradição com a questão ambiental frequentemente, pois o homem por ser muito consumista e dominador tende a tomar decisões que beneficiam a si mesmo esquecendo-se do meio ambiente existente ao seu redor.
Os problemas ambientais demanda uma sociologia das ausências, deixando claro que existem ainda muitos problemas socioambientais que não tem respostas, mas devem ser resolvidos de alguma maneira. Os estudos socioambientais estão sendo desenvolvidos constantemente trazendo assim, mais conhecimento sobre o ambiente e os seus usos sociais.

 

Publicado em Eventos Realizados

Diálogos com Suelem Guaste (13/03/18)

“Como funciona a indústria e o mercado de pet food?”

O programa de Cultura e extensão recebeu a Responsável Técnica do Departamento de Qualidade e Segurança de Alimentos da FVO, Suelem Oliveira Guaste, para conversar sobre “Como funciona a indústria e o mercado de pet food?”.
Na terça-feira (13/03/18) tivemos um diálogo bem descontraído onde foi abordado diversos fatores que exemplificaram o funcionamento da indústria e do mercado de pet food. A palestra atingiu o maior número de público presente desde a sua 1ª edição relativamente bom, sendo 128 pessoas presentes no evento, o qual foi transmitido ao vivo pelas redes sociais. Sendo que os internautas tiveram participações especiais durante todo diálogo que durou cerca de 2 horas.
O mercado de pet food vem crescendo gradativamente no Brasil, pelos dados da ABINPET de 2016 o Brasil se encontra na terceira posição com o maior mercado de pets do mundo e seu faturamento é de 5,14%.
Os pets são considerados membro de nossa família, sabendo disso, a indústria de pet food visa entender a relação dos tutores com seus animais para beneficiar na produção de alimentos com qualidades melhores.
A alimentação dos pets no Brasil é em maior parte uma alimentação seca (64%) e a empresa FVO visa produzir alimentos de extrema qualidade nutricional e funcional para os pets.
O desafio para o futuro de um profissional que queira seguir no ramo de pet food é de conseguir uma matéria prima (farinhas) de melhor qualidade que possua uma fiscalização mais rígida em sua fabricação para que venha diminuir possíveis contaminações e melhorar cada vez mais a produção desses alimentos.
“A preocupação com a qualidade envolve o uso de informações científicas de última geração, no desenvolvimento e avaliação de nossos produtos, em canis e gatis externos, respeitando o bem-estar dos animais e a sustentabilidade ambiental.” (FVO Alimentos Pet).

Publicado em Eventos Realizados

Diálogos com Luiz R. Sodré (02/12/17)

“Inovação, Planejamento e Gestão de Custos na Agropecuária”.

O programa de Cultura e extensão recebeu o Zootecnista, Luiz Roberto Sodré que é Cofundador da Perfarm® para dialogar sobre “Inovação, Planejamento e Gestão de Custos na Agropecuária”.

O crescimento da Agropecuária é visível no Brasil, mas ainda ela enfrenta alguns problemas relacionados diretamente com a inovação, planejamento e gestão de custos em uma determinada produção. No sábado, dia 02/12, ocorreu um diálogo bem descontraído juntamente com a turma da pós-graduação que abordou diversos fatores, para lidar com os desafios de gestão no campo.

A palestra atingiu um público relativamente bom, sendo 47 pessoas presentes no evento, o qual foi transmitido ao vivo pelas redes sociais. Sendo que os internautas tiveram participações especiais durante todo diálogo que durou cerca de 4 horas.

Sabe-se que os desafios de gestão no campo são muitos, como por exemplo: as coletas de dados, a complexidade de todos os fatores, questão cultural, não se tem um objetivo específico, e também uma gestão mercadológica para se saber qual é a melhor hora de comprar ou vender.

Uma produção deve ser vista como uma empresa, onde todos trabalham em áreas diferentes, mas buscam um objetivo específico. Sendo assim, um produtor muito bem organizado com os lucros e gastos, e tem auxílio de uma plataforma que armazenam dados de sua produção, certamente terá uma empresa bem sucedida.

A Perfarm é uma plataforma gratuita que armazena dados e que auxilia nas de decisões e maximização de retornos sobre investimentos, trazendo otimização, inovação e facilidade na vida do produtor.

“Ter o controle do seu negócio hoje é vital para qualquer empresa. A maioria dos produtores rurais ainda não faz isso. A Perfarm oferece exatamente o que os produtores precisam, desde conceitos que ainda não eram discutidos, finanças, planejamento, organização na coleta das informações e principalmente auxílio na tomada de decisões baseada em dados do próprio negócio”. (José Pavan Neto, JP Agronegócios).

Parte1

Parte 2

Publicado em Eventos Realizados

Diálogos no LAE com Maria de Fátima

“Emoções humanas, emoções animais e a Zooterapia”. 

 O programa de Cultura e Extensão recebeu à Professora do Departamento de Nutrição e Produção Animal da FMVZ/USP, Maria de Fátima Martins para abordar sobre as emoções. 

Estamos sujeitos a diversos tipos de emoções diariamente, sendo assim, os animais que convivem conosco também podem sentir essas emoções. Na terça, dia 24/10, ocorreu um diálogo bem descontraído que abordou diversos fatores para lidar e como os animais se comportam diante das emoções.
A palestra atingiu um público relativamente bom, sendo 46 pessoas presentes. O evento foi transmitido ao vivo pelas redes sociais, sendo que, tivemos participações especiais dos internautas. 

A Zooterapia é uma ciência que visa estudar a interação do ser humano com o animal, mas sob o ponto de vista terapêutico e educacional. Ou seja, o animal é estudado e colocado de forma a ajudar as pessoas, sobretudo quando elas se encontram em situações de estresse e depressão.
A Zooterapia pode auxiliar no auxilia no tratamento de pessoas com necessidades especiais, como autistas e portadores de síndrome de down, ela melhora o sistema imunológico, estimula a interação social, ajuda a lidar com o luto, facilita o processo de aprendizagem, entre outros benefícios.  

O Diálogos no LAE foi extremamente importante e muito esclarecedor deixando claro a importância da Zooterapia que está crescendo e ganhando cada vez mais espaço. 

“O maior benefício da zooterapia é referente à socialização, independente, do tipo de animal. Para uma pessoa que está desvalorizada, ou desmotivada, o bicho traz sempre um novo ânimo!” 

Clique AQUI para assistir o vídeo!

Publicado em Eventos Realizados

Diálogos no LAE com Juliana Ribas

“O que a produção está fazendo em prol do bem-estar dos suínos?”.

O programa de Cultura e extensão recebeu à Médica Veterinária, Juliana Cristina Rego Ribas que é coordenadora de produção da
Agroceres PIC para dialogar sobre “O que a produção está fazendo em prol do bem-estar dos suínos?”.

Devido ao crescimento da produção de suínos no Brasil surgem muitas dúvidas em relação ao bem-estar desde a maternidade até a vida adulta e o abate. Na terça, dia 10/10, ocorreu um diálogo bem descontraído que abordou diversos fatores, para lidar com o BEA.

A palestra atingiu um público relativamente bom, sendo 41 pessoas presentes no evento, o qual foi transmitido ao vivo pelas redes sociais. Sendo que tivemos participações especiais durante o diálogo com os internautas.

A produção que tem princípios de BEA vem pesquisando e praticando métodos que auxiliam  e propõem um certo conforto aos animais. Para que eles não fiquem com um nível de estresse muito alto, os métodos convencionais vem sendo alterado, com o intuito de melhorar trazendo qualidade na produção e bem-estar para os animais.

O Diálogos no LAE foi extremamente importante e muito esclarecedor deixando claro a importância de praticar métodos que elevam a qualidade na produção dos suínos, considerando sempre o bem-estar desses animais.

O BEA proporciona melhoria no processo de criação. Procure saber se a carne que comemos vem de um animal que teve uma vida boa e um abate sem sofrimento!!!

Publicado em Eventos Realizados

Diálogos no LAE com Evelise Fonseca

“A inserção do pós-graduando no mercado de trabalho. Relacionado à ciência e à produção animal”.

O programa de Cultura e extensão recebeu à Médica Veterinária, PhD, Evelise Fonseca, para dialogar sobre “A inserção do pós-graduando no mercado de trabalho. Relacionado à ciência e à produção animal”.
Devido à necessidade do pós-graduando entrar no mercado de trabalho, muitas dúvidas aparecem antes desse processo. Na terça, dia 19, ocorreu um diálogo bem descontraído que abordou diversos fatores, para que um pós-graduando consiga lidar com esses conflitos.
A palestra teve um público relativamente bom, sendo 47 pessoas ao todo, sendo que 68,1% eram pós-graduandos.
Existem alguns fatores que são extremamente essenciais para todo pós-graduando, sendo eles: ser fluente na língua inglesa; ter uma boa comunicação; estar sempre atualizado na sua área; estar também atualizado com o que ocorre no mundo; ter convicção para escolher entre o mercado acadêmico e mercado industrial/empresarial; saber lidar em entrevistas de emprego, se possível participar de cursos específicos para isso.
O Diálogos no LAE foi muito esclarecedor, mostrando que é possível um pós-graduando ter uma inserção agradável ao mercado de trabalho, só depende de suas próprias escolhas, não deixando as oportunidades passarem

O que leva um pós-graduando ser bem reconhecido no mercado de trabalho são suas habilidades… mas ter um inglês fluente colabora muito!


Publicado em Eventos Realizados

Diálogos no LAE com Juliano Leonel Gonçalves

O médico veterinário Juliano Leonel Gonçalves foi o convidado do XXXIX Diálogos no LAE, trazendo informações relevantes sobre “Os prejuízos associados à mastite bovina”. Juliano é pós-doutorando no programa de pós-graduação em nutrição e produção animal do Departamento de Nutrição e Produção animal da FMVZ-USP e desenvolve pesquisa no laboratório Qualileite, sob orientação do Professor Doutor Marcos Veiga.

Texto: Paula Boller Bissoli
Graduanda em Medicina Veterinária na Universidade de São Paulo

Publicado em Eventos Realizados

Diálogos no LAE com a Profa Dra Paula Papa

Também conhecido como One Health, o assunto ganha cada vez mais espaço nas discussões científicas que tratam de saúde humana, animal e ambiental.

Para dialogar sobre Saúde Única em nosso programa neste mês de maio, convidamos a Profa Dra Paula Papa de Carvalho, professora do Departamento de Cirurgia da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia da USP.

Publicado em Eventos Realizados

Diálogos no LAE com Ivan Formigoni

Na XXXV edição do programa de extensão Diálogos no LAE recebemos o zootecnista Ivan Formigoni, CEO na empresa Belogics. O tema de sua palestra foi “Análise econômica e mercadológica na pecuária brasileira”, assunto indispensável para o sucesso de uma fazenda.

Texto:
Gabriela Geraldi e Paula Bissoli

 

Publicado em Eventos Realizados

I Workshop do LAE

Aconteceu no último sábado, 18 de fevereiro, o primeiro Workshop do LAE.

O evento contou com a presença os membros do laboratório e serviu para promover maior interação entre eles, fortalecer e melhorar o trabalho em equipe.

Na foto, nossa equipe:

Publicado em Eventos Realizados

Está no ar o novo site do LAE

Aqui você encontra as atualizações do LAE.

Confira a programação do nosso programa de extensão Diálogos no LAE e participe!

Os Boletins Eletrotônicos estarão disponíveis quinzenalmente com o que há de mais atual. Não deixe de ler nossa última edição, com foco em sustentabilidade.

Estamos sempre abertos a sugestões. Entre em contato por e-mail.

Publicado em Uncategorized

Diálogos no LAE!