english | español | acesso restrito | t (55 11) 3813.1444 | f (55 11) 3032.8334 | nereus@usp.br

Novo TD NEREUS disponível: “Matriz Interestadual de Insumo-produto para o Brasil: Uma Aplicação do Método IIOAS”

Autores: Eduardo Amaral Haddad, Carlos Alberto Gonçalves Junior e Thiago Nascimento

Resumo. O presente artigo apresenta de forma detalhada o processo de estimação de um sistema inter-regional de insumo-produto para os 26 estados brasileiros e o Distrito Federal em condições de informação limitada, utilizando o método IIOAS. O referido método tem como principais vantagens a consistência das informações estimadas com a matriz de insumo-produto nacional e a possibilidade de construção do sistema inter-regional para qualquer país que publique suas TRUs e possua um sistema de informações setoriais regionalizadas. Após a apresentação do método e de sua utilização para a construção do sistema interestadual brasileiro, analisaram-se as relações comerciais e as estruturas produtivas de cada Unidade da Federação (UF). São Paulo e Rio de janeiro, mesmo sendo os estados com maior participação nos fluxos de comércio interestaduais, mostraram os maiores níveis de autossuficiência. Já Roraima e Tocantins foram os que apresentaram os níveis de autossuficiência mais baixos. No que diz respeito à interdependência regional, Roraima e Acre foram os estados cuja produção apresentou menor dependência em relação à demanda final de outros estados, já Amazonas, Espírito Santo e Mato Grosso foram os estados em que a demanda final de outras UFs e do exterior mais influencia a produção local.

Clique aqui para fazer o download

 


© Nereus – Todos os direitos reservados. | Home | Nereus | Equipe | Linhas de Pesquisa | Projetos | Publicações | Dados e Programas | Eventos | Notícias | Contatos | RSS | Mapa do Site