Stress e qualidade de vida de pré-vestibulandos: Estudo longitudinal

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Sandra Leal Calais
Carolina Daniel Montanhaur
Manoel Henrique Salgado

Resumo

Stress é uma reação psicofisiológica a situações que exijam adaptação. Vestibulandos estão expostos a estressores do próprio exame, além dos internos e externos. Este trabalho pretendeu verificar se a passagem de tempo e a proximidade do vestibular alterariam o stress e a qualidade de vida de alunos. Participaram na primeira fase 71 estudantes do ensino médio, ambos os sexos; na segunda fase, foram 12 dentre eles no início letivo do curso pré-vestibular e esses mesmos 12, terceira fase, ao final do ano. Responderam ao Questionário Sociodemográfico, Inventário de Sintomas de Stress e Inventário de Qualidade de Vida. A amostra apresentou stress, sintomas psicológicos e baixos escores de qualidade de vida nos três momentos diferentes, indicando que a permanência de estressores pode ser prejudicial ao rendimento e qualidade de vida.

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Palavras-chave:
vestibular, stress, qualidade de vida, estudo longitudinal
Como Citar
Calais, S., Montanhaur, C., & Salgado, M. (2018). Stress e qualidade de vida de pré-vestibulandos: Estudo longitudinal. Revista Brasileira De Terapia Comportamental E Cognitiva, 19(4), 62-73. https://doi.org/10.31505/rbtcc.v19i4.1094
Seção
Pesquisas originais