Ensino por tentativas discretas: Revisão sistemática dos estudos sobre treinamento com vídeo modelação

Main Article Content

André A. B. Varella
Carlos Magno Corrêa de Souza

Resumo

As intervenções baseadas na ABA (Análise do Comportamento Aplicada) consistem em uma das principais intervenções com evidências de eficácia no transtorno do espectro autista (TEA). O procedimento de ensino por tentativas discretas (DTT) é amplamente utilizado no tratamento do TEA, e seu treinamento é frequentemente necessário para viabilizar as intervenções ABA. Este artigo teve por objetivo realizar uma revisão sistemática dos estudos que utilizaram a videomodelação (VM) no treinamento de profissionais e paraprofissionais para implementar DTT. Os termos “staff training”, “parent training” e “caregiver training”
foram individualmente combinados com os termos “video modeling” e “discrete trial” gerando três combinações de buscas nas bases de dados da Pubmed, Scielo, Redalyc e Lilacs. Depois de aplicados os critérios de inclusão, sete estudos foram analisados a partir de cinco categorias. Os resultados indicaram que o treinamento com VM é eficaz e com potencial para ser empregado em larga escala e com menor custo.

Article Details

Como Citar
Varella, A., & Souza, C. (2018). Ensino por tentativas discretas: Revisão sistemática dos estudos sobre treinamento com vídeo modelação. Revista Brasileira De Terapia Comportamental E Cognitiva, 20(3), 73-85. https://doi.org/10.31505/rbtcc.v20i3.1215
Palavras-chave:
ensino por tentativas discretas, treinamento, videomodelação, análise do comportamento aplicada, autismo
Seção
Revisões sistemáticas de literatura