Treino de cuidadores para manejo de comportamentos inadequados de crianças com transtorno do espectro do autismo

Main Article Content

Mariane Sarmento da Silva Guimarães
Tatiana Evandro Monteiro Martins
Sara Ingrid Cruz Keuffer
Malena Russelakis Carneiro Costa
Juliana Lima Lobato
Álvaro Júnior Melo e Silva
Carlos Barbosa Alves de Souza
Romariz da Silva Barros

Resumo

Este estudo avaliou a eficácia de um conjunto de procedimentos de ensino, composto por videomodelação, instrução escrita e role-play com feedback imediato, para ensinar cuidadores a manejar comportamentos inadequados emitidos por crianças com transtorno do espectro do autismo (TEA). Foi aplicado um delineamento de linha de base múltipla entre dois pares de cuidadores. A variável dependente foi a precisão de desempenho dos cuidadores no manejo de comportamentos inadequados, medida pelo percentual de passos do procedimento para manejar comportamentos inadequados executados corretamente. A variável independente foi a implementação do conjunto de procedimentos que ensinava os comportamentos necessários para manejar comportamentos inadequados. Os resultados mostram que o procedimento utilizado foi eficaz para ensinar o manejo de comportamentos inadequados para cuidadores de crianças com TEA. A eficiência do procedimento é demonstrada pelo fato de que o número de sessões necessárias para alcançar critério de aprendizagem foi pequeno, sendo, portanto, uma possibilidade viável de intervenção comportamental voltada para cuidadores de pessoas com TEA.

Article Details

Como Citar
Guimarães, M., Martins, T., Keuffer, S., Costa, M., Lobato, J., Silva, Álvaro, Souza, C., & Barros, R. (2018). Treino de cuidadores para manejo de comportamentos inadequados de crianças com transtorno do espectro do autismo. Revista Brasileira De Terapia Comportamental E Cognitiva, 20(3), 40-53. https://doi.org/10.31505/rbtcc.v20i3.1217
Palavras-chave:
comportamentos inadequados, transtorno do espectro do autismo, treino de cuidadores, videomodelação
Seção
Pesquisas originais