contato

agenda

icons
evento3

A cada ciclo, peças de diferentes autores e temas são lidas pelos presentes em encontros abertos, mediados pela equipe artística do TUSP. Venha ler conosco!

O Programa TUSP de Leituras Públicas propõe, a cada semestre, a leitura de uma seleção de peças teatrais de autores ou temas específicos. Nossas Leituras Públicas são realizadas pelo público presente em encontros abertos e gratuitos, com mediação da equipe artística do TUSP e a presença de convidados. Com as Leituras, nossa intenção é abrir espaço para uma experiência diferenciada de plateia, que fortaleça o sentido de pertencimento à coisa pública por meio da experiência estética, estabelecendo um público que acompanhe cada ciclo. O programa está ligado aos Núcleos de Experiência e Apreciação Teatral do TUSP, na capital e nos campi do interior.

O ciclo XIX traz os textos de Matei Visniec, importante dramaturgo contemporâneo. Romeno, Visniec vive e trabalha na França há cerca de 30 anos, desde que ali se refugiou da ditadura de Ceausescu. É considerado por muitos “o novo Ionesco”, por dar continuidade ao gênero do teatro do absurdo. Suas peças têm sido traduzidas, editadas e montadas em mais de vinte idiomas; no Brasil, já estiveram em cartaz, dentre outras: A História do Comunismo Contada aos Doentes Mentais, por Antônio Abujamra; A Volta para Casa, por Regina Duarte (extraída do livro Cuidado com as Velhinhas Carentes e Solitárias), O Último Godot, por Márcio Meirelles; e Adeus, Palhaços Mortos!, de José Roberto Jardim, que teve temporada no TUSP em 2016. Além disso, sua produção dramatúrgica foi recentemente editada no Brasil pela É Realizações.

Para o autor, é trabalho do artista escanear a dor do mundo, pois descobrir e expor nossos ferimentos pode ajudar  a tratá-los. Ele crê que o domínio da cultura deve permanecer como um mundo protegido, que não trate os frutos da criação artística como produtos, de forma que haja uma alternativa à pressão quase que totalitária da indústria do entretenimento e das outras formas de lavagem cerebral que pouco a pouco nos transformam.

Este ciclo conta com as presenças convidadas de jovens artistas envolvidos atualmente em montagens da obra do dramaturgo, realizadas dentro das duas escolas de artes cênicas da USP: Os Bolsos Cheios de Pão, partilha pública com direção de Lui Vizotto e interpretação de Pedro Dix, Lucas Frizo e Lucas Padovan (CAC-ECA-USP) e Cuidado com as Velhinhas Carentes e Solitárias, ensaio aberto da montagem realizada pela Turma 68 (EAD-USP), sob a direção de Isabel Setti, que estreia ainda neste semestre.

04.06

Abertura: José Roberto Jardim

09.06

Leitura: Pesquisa sobre o desaparecimento de um anão de jardim

11.06

Leitura: Um trabalhinho para velhos palhaços

16.06

Leitura: A máquina Tchékhov

18.06

Leitura: O rei, o rato e o bufão do rei

23.06

Ensaio Aberto: Cuidado com as velhinhas carentes e solitárias (Turma 68-EAD-USP/dir.: Isabel Setti)

25.06

Leitura: Migraaaantes ou Tem gente demais nessa merda de barco ou O salão das cercas e muros

30.06

Partilha Pública: Os bolsos cheios de pão (CAC-USP/dir.: Lui Vizotto)

Leituras Públicas TUSP | Ciclo XIX: Matei Visniec Segundas-feiras, 19h30; sábados, 17h Programação gratuita

(fotografia: Claude Chauvet)