Sala de Imprensa - USP – Universidade de São Paulo
E-mail: 
Fone:   +55 11 3091-3220 / 3300
Blog da USP - 28/04/2015 - Imprimir Imprimir

Adib Jatene será homenageado por Comissão da Faculdade de Medicina

No próximo dia 30 de abril, o professor emérito da Faculdade de Medicina da USP, Adib Domingos Jatene (foto), falecido em novembro do ano passado, será homenageado pela Comissão de Benefícios Sociais aos Servidores da Faculdade.

Com a homenagem, a Comissão passará a chamar-se “Comissão de Benefícios Sociais aos Servidores da FMUSP Prof. Dr. Adib Domingos Jatene”, por ele ter sido seu grande idealizador – já que ela foi criada quando Jatene era diretor da Faculdade, em 1991 – e também por sua destacada carreira na Medicina. A cerimônia contará com a presença de membros da Congregação da FM, dos funcionários da Unidade, além dos filhos do homenageado e sua esposa Aurice.

Jatene nasceu na cidade de Xapuri, no Acre, em 1929. Formou-se pela Faculdade de Medicina da USP, em 1953, na qual depois tornou-se professor. O cardiologista fez mais de 20 mil cirurgias, entre elas a primeira cirurgia de ponte de safena no Brasil, e ficou conhecido internacionalmente pela criação do primeiro aparelho coração-pulmão artificial.

O médico também foi diretor do Instituto do Coração (Incor) e membro da Academia Nacional de Medicina. Além disso, atuou como secretário Estadual da Saúde de São Paulo, de 1979 a 1982, e ministro da Saúde em dois períodos, em 1992 (por oito meses) e de 1995 a 1996.

A cerimônia acontecerá nesta quinta-feira, dia 30 de abril, quinta-feira, às 15h, em frente à sede da Comissão, localizada na Av. Dr. Arnaldo, 455 – subsolo da Faculdade de Medicina da USP – Cerqueira César, São Paulo – próxima ao metrô Clínicas.

Mais informações pelo telefone: (11) 3061-7406 ou pelo e-mail: cbssfm@usp.br

(Foto: Divulgação)

•  •  •  •

Deixe um comentário

Política de moderação de comentários

Este blog reserva-se o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou outros princípios da boa convivência. Dessa forma, serão suprimidos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa ou falsidade ideológica.