Sala de Imprensa - USP – Universidade de São Paulo
E-mail: 
Fone:   +55 11 3091-3220 / 3300
Blog da USP - 15/12/2015 - Imprimir Imprimir

Programa de implante coclear do Centrinho completa 25 anos

Desde 1990, o programa já realizou mais de 1.500 cirurgias na área. O Hospital é um dos únicos centros na América Latina que já ultrapassou a marca de mil cirurgias

implante_coclear (2)

Exemplo de implante coclear

Neste ano, o Centro de Pesquisas Audiológicas (CPA) – também chamado de Seção de Implante Coclear – do Hospital de Reabilitação de Anomalias Craniofaciais (HRAC/Centrinho) da USP completou 25 anos de atuação.

Pioneiro em implante coclear multicanal no país, a unidade faz uma média de dez cirurgias por mês e já realizou, desde 1990, mais de 1.500 cirurgias na área. Além dos procedimentos cirúrgicos e atendimentos médicos, a reabilitação inclui acompanhamento com equipe interdisciplinar formada por fonoaudiólogos, psicólogos, assistentes sociais, entre outros.

Com forte atuação no diagnóstico e no tratamento de ponta, o Programa de Implante Coclear do Centrinho se destaca ainda pela formação de recursos humanos altamente especializados e pela intensa produção científica, sendo rico campo de investigação para estudantes do Hospital e da Faculdade de Odontologia de Bauru (FOB), atraindo residentes, pós-graduandos e alunos de graduação.

De acordo com o médico otologista Orozimbo Alves Costa Filho, primeiro cirurgião do programa e atualmente professor sênior da FOB, o CPA é um dos pouquíssimos centros em todo o mundo que ultrapassaram a marca de mil cirurgias.

Ao longo dos anos, estudos realizados no CPA também deram importante contribuição para o desenvolvimento de políticas públicas na área da saúde auditiva, como a incorporação pelo Sistema Único de Saúde (SUS) do implante coclear, em 2000, e do sistema de frequência modulada pessoal (FM), em 2013.

sistema_fm (2)

Sistema FM

Tecnologias

O implante coclear é um dispositivo eletrônico inserido cirurgicamente para estimulação direta do nervo auditivo, indicado a crianças e adultos com surdez total ou quase total que não se beneficiam com o uso de aparelhos auditivos convencionais, que apenas amplificam o som.

O sistema FM é uma tecnologia assistiva que funciona como um microfone sem fio para o implante coclear ou para o aparelho de amplificação sonora individual (AASI). Ele favorece a compreensão da fala em ambientes ruidosos e amplia a acessibilidade de crianças e jovens no ambiente escolar.

(Foto e informações do Serviço de Comunicação do Centrinho)

•  •  •  •

2 Comentários para Programa de implante coclear do Centrinho completa 25 anos

  1. 16 de dezembro de 2015 às 11:25 | Permalink

    tenho deficiencia auditiva grave [ surdez sensorial profunda ] nos dois ouvidos .
    Ha cerca de 10 anos atrás estive ai , na época de do senhor orozinbo .
    foram feitos vários exames e constataram necessidade de implante coclear .
    mas eu recusei porque não havia garantias que eu iria ouvir perfeitamente , mesmo dizendo que melhorava consideravelmente. mas sei que minha recusa se deve a vaidade minha porque não queria viver com um aparelho auditivo no bolso ou pendurado na orelha.
    Gostaria de saber se a tecnologia ja melhorou ao ponto de dispensar aparelhos externos .
    ficarei grato com respostas

Deixe um comentário

Política de moderação de comentários

Este blog reserva-se o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou outros princípios da boa convivência. Dessa forma, serão suprimidos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa ou falsidade ideológica.