english | español | acesso restrito | t (55 11) 3813.1444 | f (55 11) 3032.8334 | nereus@usp.br

Dimensão Regional e Setorial da Integração Brasileira na Área de Livre Comércio das Américas

Resumo

O objeto de estudo desta Tese é o impacto da formação da Área de Livre Comércio das América (Alca) sobre a economia brasileira. A economia brasileira não é homogênea internamente, possuindo contrastes importantes entre setores e regiões. A Alca, por seu lado, pode ser considerada um bloco de países com interesses distintos e marcada por importantes assimetrias. Devem ser esperados, dessa forma, impactos espaciais e setoriais diferenciados na economia brasileira como fruto das diferentes alternativas de acordo que surjam das negociações na Alca. O estudo dessas questões requer uma metodologia adequada, que considera de maneira sistemática as relações inter-regionais e intersetoriais, assim como a inserção internacional das economias locais. Modelos inter-regionais de equilíbrio geral computável são ferramentas importantes nessa área, e exemplos para a economia brasileira são encontrados na literatura. SPARTA (São Paulo Applied Regional Trade Analysis) é o modelo inter-regional de equilíbrio geral computável implementado nesta Tese. Uma de suas inovações está no tratamento detalhado dos fluxos externos, especificando mercados de origem e destino para as importações e exportações regionais, o que possibilita simular os impactos da liberalização tarifária no âmbito da Alca. Os resultados obtidos permitem projetar um efeito positivo da liberalização tarifária na Alca para o crescimento do PIB e geração de superávit comercial, no longo prazo. Regionalmente, entretanto, os impactos atuam no sentido da concentração relativa da produção e investimento na economia paulista. Além disso, uma importante diferenciação setorial dos impactos da liberalização na Alca pode ser identificada. Dentro dessa perspectiva, são discutidos aspectos relacionados à necessidade e adequação de políticas públicas.

Autor: Edson Paulo Domingues
Orientador: Eduardo Amaral Haddad
Ano: 2002

link para download da tese


© Nereus – Todos os direitos reservados. | Home | Nereus | Equipe | Linhas de Pesquisa | Projetos | Publicações | Dados e Programas | Eventos | Notícias | Contatos | RSS | Mapa do Site